sábado, 8 de maio de 2010

Altaminaro que o diga

Godofredo armava outro desar brandindo o pestilo banhado de cauim. Ronronava um aboio entre as aldrabas e defenestrava verrumas.

Depois da ceata que tivera ficou pernóstico e nem ligava para a atocia da mulher.

Se precisasse dava uma escapa aninda que isso prejudicasse sua cistocele.

De aziúme, fez uma bodocada sobre Abelardo que, mais mucudo que Godofredo, aplicou-lhe um piparote

Obturado pela desfeita lancetou seu êmulo a ponto de deixá-lo álalo.

Foi necessária a intervenção da marani féerica para cernir a inana.

Tudo foi descrito em predelas que se encontram no museu de Abidos.

Altaminaro Nunes Pereira foi fundador da Academia Brasileira de Filologia

2 comentários:

Vilma A. de Mello disse...

Sinto muito, mas se depender de mim, voce vai continuar sendo incompreendido, risos

Beijo

clau disse...

...isto sò me faz perceber o qto sou filofòbica!
Bjs, Fabio!