domingo, 9 de maio de 2010

Alices maravilhosas

Alice não é uma história para qualquer um, como, por sinal, não costumam ser as Alices que eu conheci.

Nem toda Alice que eu conheço atende pelo nome de Alice.

São seres irriquietos e vívidos transitando em mundos que alternam sonhos e poesia

Como Alice, a personagem, também têm seus medos e inseguranças, mas não se deixam vencer por eles.

No seus caminhos já encontraram gatos invisíveis, chapeleiros malucos e rainhas insanas.

Convivem todos os dias com cenas cômicas e surrealistas.

Questionam tudo, duvidam de tudo, analisam tudo.

O que não lhes dá garantia de estarem no melhor caminho, mas não se envergonham de perguntar a direção.

No Glorian Day elas acabam com o dragão, se livram da tirana e seus asseclas.

E reconstroem suas histórias em direção à liberdade.

3 comentários:

Vilma A. de Mello disse...

Aliceosamente lindo

beijo de domingo

Ponto de Fuga disse...

Amei!
:-)

clau disse...

E um viva para o Chapeleiro Maluco! rss rss
Bjs!