terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Cloaca literária

Depois de ter me debruçado sobre o ralo, recebi de presente do meu primo Alberto um livro que é uma jóia histórica: Temples of Convenience & Chambers of Delight. O livro da inglesa Lucinda Hamilton mostra o banheiro através da história. Poderia se chamar "um luxo de WC" ou "o conforto da latrina".

Não sei se o livro foi editado no Brasil e se está disponível nas melhores lojas do ramo (livrarias, é claro, se bem que poderia ser vendido em lojas de equipamentos sanitários). Caso sim, recomendo a leitura.

O que me preocupou, assim que recebi o livro, foi onde ler os templos da conveniência ?

Como é um típico livro de mesinha de sala, pensei em deixar por lá e ir lendo nos momentos que dou uma descansada no sofá. A idéia não foi bem recebida em casa : fotos de privada na sala ???

Também fui obrigado a tirar da mesa do escritório, sob a alegação que ficaria estranho caso algum cliente fosse folheá-lo antes de uma reunião.

Na sala de jantar eu mesmo já concluíra que seria algo incompatível. No quarto, daria uma boa leitura antes de dormir. O veto também veio de forma radical.

Como a área de serviço da casa não é exatamente um lugar confortável, o único lugar que me restou foi o meu templo de conveniência pessoal.

Por mais pedante que possa parecer, ao invés de revistas semanais ou palavra cruzadas, no meu banheiro você encontra um belíssimo livro de capa dura, com dezenas de fotos e em inglês.

Agora, se vocês me dão licença, que eu preciso ler.

7 comentários:

Juliana disse...

Vou evitar o baixo calão, mas tem livro que realmente é uma....

Mariazinha_ disse...

pedante mesmo... precisava ser capa dura e em inglês? a cada visita aqui me sinto menos "importante", *=*
não tenho livros de capa dura, muito menos em ingles, rs.
ótima semana, Fabio.

Fábio Adiron disse...

Mariazinha : precisar não precisava, mas fazer o que. Quem sabe lançam um impresso em papel Neve...

Mariazinha_ disse...

fazer o que... quem é chique é assim, nem o banheiro escapa.
bom dia!

bete disse...

Ninguém pensou em papel higiênico com históris em quadrinhos? com mensagens edificantes? "descarte seus problemas comigo" "vá em frente, agora mais leve" "a vida é bela, não se sinta uma..."

Lou Mello disse...

Fazer o que... morrer de inveja e olhe lá...

clau disse...

Nossa...bom saber!
Pq penso que toda biblioteca sanitaria que se preze, deve ter um exemplar destes!
Valeu pela indicaçao.
Bjs!