domingo, 7 de junho de 2009

Traindo o desafio

Outro dia, quando publiquei mais uma de minhas traições, um(a) comentarista anônimo me lançou uma provocação. Enquanto eu traia ele(a) desafiava o autor do texto original, ee cummings.

Como eu não costumo ficar impassível às provocações, se recebi um desafio à minha traição, resolvi trair esse desafio. Aí vai:

Desafiando cummings

Não levo teu coração no meu
Nem tua alma na minha levo
Nem mente, nem corpo, nem nada.

Não levo tuas mãos, sorrisos ou olhos
De ti nada posso portar comigo
Impossível carregar o que não mais existe.

O amor nos trançou para sempre
Todo seu ser é meu
Como o meu é todo seu
Nada a levar
Nada a possuir.

Somos só um
Feitos de todo você
Todo de mim.
Nós.

Texto original (autor desconhecido)

I don't carry your heart in my heart
I don't carry your soul in mine
neither your mind nor your body...

I don't carry your hands, your smile, your eyes...
don't carry anything of you..
'cause you are not you and no part of yourself exists

our love has entwined us forever
all yours are mine
and all mines are yours

so there's no carriness
there's not belonging
what there is
is just one and unique being
made up of all your yours and all my mines
that became ours..

8 comentários:

Juliana disse...

Meu inglês não me permite entrar nesse jogo, mas me parece muito divertido.

Rondinelly disse...

O "Traduttore, traditore" vale tanto quanto "lettre, traditore".
A diferença desse tipo de traição é que ela é fiel àquilo que dá graça ao texto, à vida do texto. A melhor teoria sobre poesia é de Paulo: a letra mata, o espírito dá vida.

Rondinelly disse...

*lettore, traditore

Ana disse...

Eu quero saber o nome do filme que consta na imagem do post. Eu sei que eu assisti a esse filme, chorei à beça (pra variar) mas não lembro o nome dele. hehehehhe (nem foi um comentário e sim um pedido...rs)

Fábio Adiron disse...

Ana

O filme se chama Love actually, você pode dar uma olhada em

http://www.loveactually.com/

Lucey disse...

Esse é um dos filmes mais lindos que já assisti!!
Boas recordações.
Beijos

Lucey disse...

Esse é um dos filmes mais lindos que já assisti!!
Boas recordações.
Beijos

Lucey disse...

Nossa!! Devo ter gostado muito mesmo, até o comentário multiplicou...rs. Não sei exclui-lo. Beijos