domingo, 5 de outubro de 2008

Isso lá é hora de poesia ?


Gostos

Gostos da vida
Secos , simples, suaves

Gostos da vida
Salgados, solenes, sonhadores

Gostos da vida
Soltos, serenos, saborosos

Como esquecer , ainda que só por um momento,
a existência , as convenções, o mundo ?

Gostos da vida
Sensíveis, sinestésicos, saudáveis.

E , apesar de tudo,
E apesar do nada,
Sem metafísica

2 comentários:

Mariazinha_ disse...

Viver com gosto, seja ele qual for é VIVER. Gosto especialmente do gosto doce, tras lembranças da minha infancia.
Beijão, querido fabio.

Lucila disse...

Muitos gostos nos fazem sim esquecer, nem que seja por um momento, do mundo! Esses gostos costumam ser os mais delicados e significativos.
Beijos prá você