domingo, 3 de abril de 2011

A paregórica antologia do bimestre


Como tenho publicado menos, também é menor a quantidade de comentários. Por isso a antologia é, novamente, bimestral.

Caso você seja novo por aqui a lógica insana é a seguinte: leia os comentários escolhidos sem se preocupar com o texto original e imagine você mesmo o que foi que aconteceu.

Divirta-se

caramba! Me encheu de idéias..

vou comprar um escorredor de talheres...

Deve ser uma alma penada tentando ir pro céu!....

apesar de me parecer em grego

Melhor uma cena com um quadro assim

hum...eu tô sentindo um clima..

eu sempre apostei no poder do alho..

...huuum: ahm ham...Ok!

eu sempre digo que foram os "duendes

Será que meu marido tem mesmo olhos verdes?

precisamos estudar a fundo essas amoras

devemos nos afastar da calota polar e não derrubar cerveja na roupa

Melhor o guaxinim engordar do que a princesa.

Cuidado com quem te convida para comer jabuticaba no pé

tem um não sei o que de etéreas possiblidades

quando venho fico horas...

O que a calça estava fazendo lá?

eu me aqueci...

tienen la eternidad de la naturaleza...

Meu marido ta procurando nossa cama até hoje.

Será que preciso de um negativo?

os esquimós sofrem de hipotermia por comerem gordura de foca

Isso é um surto
?

4 comentários:

Taty disse...

Se a antologia fosse diária, compraria um quarto no Pinel e acharia que o mar é o Rio Amazonas!

Raquel Jacobsen disse...

aqui não me sinto só...tem um monte igual....todos NORMAIS!!!!

Vilma A. de Mello disse...

Me lembrou um tal Elixir paregórico que o povo usava antigamente, só não recordo para que servia...

Bel disse...

Primeira vez que não tem "eu" na antologia... mas esse tempo tem sido difícil por aqui. E não sobra cabeça para insanidades... que precisam ser pensadas, lógico!

E por que mesmo o sr. está postando menos, hein? Rum.

Bjo!