sábado, 23 de outubro de 2010

Convite à viagem


Là, tout n'est qu'ordre et beauté,
Luxe, calme et volupté.
(Charles Baudelaire)



Quero viver no país
Que se espalha em quinze
tonalidades de azul
Onde os mares
sejam senhores
de norte a sul

E o amor seja sempre
Luxo, calma e volúpia

Os móveis de cada casa
polidos com o brilho
do teu suor
As flores reproduzam
teu perfume
teu odor

E o amor seja sempre
Luxo, calma e volúpia

Quero cada eternidade
como o primeiro
fruto da espiga
Acordar todas manhãs
Com o mesmo
frio na barriga

E o amor seja sempre
Luxo, calma e volúpia

E quando a morte chegar
que seja num café
onde habita a cultura
E Um só sonho
Um só corpo
A nossa sepultura

O amor enfim será
Luxo, calma e volúpia

5 comentários:

Vilma A. de Mello disse...

Muito lindo, parabéns

Bom dia

clau disse...

Uau, Fabio...!
Apesar deste amor me parecer mais uma paixao, aquele frio na barriga até que se faz bem presente.
Hihihi!
Um bom fim de semana para vcs.
Bjs!

Bel disse...

Adorei a idéia da morte chegar num café com cultura... é assim que eu quero a minha!!! hahahaha

Bjo, bom sábado!!!

Bel disse...

Deixei a página aberta, e qdo voltei e li rapidamente o que apareceu foi "convite à viadagem"! Eu, hein? Que mente é essa, a minha??? kkkkk

Alice disse...

Um cântico.
Lindo..lindo..lindo.
Beijo enorme.