quinta-feira, 25 de abril de 2013

Autômato




Ligue seus botões.

Deixe a energia elétrica correr

dentro dos seus transístores.

Deixe óleo escorrer

Nas sua engrenagens.



Mecanicamente raciocina

Reflexos são condicionados

Automatizados.

Passos são medidos

Milimétricamente iguais.



O homem-máquina não se percebe

não se sente

não se manifesta.



Desobediência - não tem registro

Ele não é programado para viver

Mas para produzir



E, quando a máquina falha,

Não há problemas

É artigo de consumo

Usa-se e joga-se fora

No ferro-velho de nós mesmos.

Um comentário:

Taty disse...

Acordei com a revolta dos robos humanos.....