quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Scintilla


Pequena luz
Scintilla entre azuis.
Celestes, cerúleos,
Ultramarinos

Brilhante luz
Scintilla e reproduz
Aromas, sabores
Sensações

Pequena luz
Scintilla e reconduz
A manhãs, tarde e noites,
De amor eterno

Imagem por SlaveDruid

2 comentários:

Taty disse...

Quando li sobre fagulhas, pensei numa disputa, agora, ao ler o poema fui levada ao Mundo Psicodélico, melhor que uma disputa. Beijos

clau disse...

Ah...mas esta me recordou meus primeiros versos qdo escrevi sobre a estrelinha que estava no céu a cintilar...