domingo, 12 de agosto de 2012

Um dia de pais

Mensagem
Lendo uma mensagem do Markiano Charam (Filho) me coloquei a refletir o que carrego em mim do meu pai e o que, talvez meus filhos levarão de mim.
 
Com o meu pai aprendi muito, especialmente a pensar, pesar contrários, formar a minha própria opinião, nem sempre igual a dele.
 
Aprendi olhar para o passado como lição e para o futuro com muito planejamento.
 
Aprendi a ser irônico e a entender que muitos não entenderiam isso e outros se ofenderiam (e como se odendem...).
 
Aprendi a ser generoso e não me apegar excessivamente aos valores materiais.
 
Herdei o prazer pela leitura. A mania de colecionar tranqueiras. A obssessão por catalogar tudo.
 
Nenhuma dessas coisas ele me ensinou em conversas e lições, todas foram transmitidas pela sua vida e seus exemplos.
 
Sendo pai há quase 14 anos também vejo características minhas nos meus filhos que vão muito além da genética.
 
Posso ensinar matemática, português ou geografia para os meus filhos mas, valores e comportamentos eles só vão aprender a partir daquilo que eu mostrar para eles.
 
Que eles possam ser sábios o suficiente para reter o que é bom e descartar o que não vale a pena.
 
Descrição da imagem : foto do meu pai e minha filha (faltou meu filho, mas não tenho fotos recentes só com os três).

5 comentários:

Taty disse...

Adorei o seu depoimento...lindo! Feliz Dia dos Pais para você e seu pai. Beijos

Elis Zampieri disse...

Vim te ler e deixo desejos de uma vida inteira de felicidade como pai.
Abraço.
Elis

Arimar disse...

Fábio.
Parabéns !!!
Você é realmente um pai que todas as crianças mereciam.
Felicidades neste dia e em todos os outros.
Abraços.

Vilma A. de Mello disse...

Muito lindo, o interessante é que de alguma forma todos que convivem conosco "herdam" alguma características do nosso jeito de ser...Ser influenciado pelo pai nas coisas boas é uma dádiva...

Post Scriptum disse...

Que linda está a Lelê, Fábio.
O Samuel deve estar um lindão também, né?
Felicidades a eles e a ti, um beijo.