domingo, 26 de abril de 2015

Um deca desafio

Para Letícia e seus desafios de métricas
 
Amigos, carrapatos e formigas
Correndo pelos campos de Lisboa
Cantaram o aniversário das cantigas
E a prosa antiquada de Pessoa

O estrondo sepulcral desta garoa
Em meio a tantas hostes inimigas
Levanta a vela e zarpa da lagoa
Singrando os mares lúdicas lombrigas

Quem és que assim me entrega o desafio
A luta ingrata, um metro tão ecoico,
Um ritmo tão lúgubre e sombrio
Compor este universo paranoico?

Camões a sua mão eu parodio
Soneto em decassílabo heroico

Um comentário:

Taty disse...

Precisei consultar o significado de métrica....depois de tantos anos sem estudar fiquei lesada.