terça-feira, 26 de agosto de 2014

Millorianas



Esse mês foi aniversário do Millôr, o homenageado desse ano na FLIP.

Ele faz parte da minha memória afetiva literária, e deixo aqui algumas  brincadeiras a seu estilo

Quem chama de donzela
a macróbia meretriz
É de estirpe paralela
ou só se contradiz

Se a vaca tussir, a  porca vai torcer o rabo?

Um mistério assim bisonho
nunca desvendamos
Para onde vão os sonhos
quando acordamos?

Uma reflexão sensata é um eco lógico?

Se no botão do elevador
eu comprimo a seta errada
Sou sujeito sem pudor
e nenhum predicado

Não trate com leniência as minhas facécias